Page is loading...

A Súplica

Disse o Imam as-Sadiq (A): “Toda súplica mediante a qual se roga a Deus, Imponente e Majestoso, é barrada pelo céu até que se pronuncie a Salawat (bênçãos) sobre Muhammad e sobre a família de Muhammad”. (A Salawat consiste do seguinte: Ó Deus nosso, abençoe Muhammad e a família de Muhammad).

Usul al-Kafi, vol. 2, p. 493

Disse o Imam as-Sadiq (A): “O crente cuja súplica não tiver sido respondida por Deus neste mundo, desejará que nenhuma delas tivesse sido respondida por Deus quando ele ver, na Outra Vida, a quantidade da recompensa (que lhe será dado no lugar da súplica não respondida)”.

Usul al-Kafi, vol. 2, p. 491

Disse o Amir al-Mu’minin ‘Ali (A): “A mais querida das ações na terra para Deus, Imponente e Majestoso, é a súplica e a melhor adoração é a modéstia e a piedade”.

Bihar al-Anwar, vol. 93, p. 295

Disse Amir al-Mu’minin ‘Ali (A) a um grupo de seus seguidores: “As portas do céu são abertas em cinco ocasiões: quando chove, durante a luta sagrada, no momento do chamado para a oração, quando se recita o Alcorão durante o pôr do sol e quando se produz a alvorada”.

Al-Khisal, p. 302

Disse o Imam Amir al-Mu’minin ‘Ali (A): “Aproveites para suplicar em cinco ocasiões: durante a recitação do Alcorão, durante o chamado para a oração, ao se comparecer à luta sagrada pronto para o martírio e durante a súplica de um oprimido, já que (nessas ocasiões, a súplica) em sua ascensão não tropeça em nada mais que no Trono divino”.

Bihar al-Anwar, vol. 93, p. 343

Disse o Imam Al-Husayn (A): "Ó Deus nosso! Tu és o mais próximo a Quem alguém pode suplicar, o que mais rápido responde, o mais nobre dos que perdoam, o que outorga mais abundantemente e o que mais escuta o que se Te pede. Ó Misericordioso e Clemente deste mundo e do Outro!”.

Súplica de Arafah

Disse o Imam Amir al-Mu’minin ‘Ali (A): “Aquele que é agraciado com quatro coisas não se vê privado de outras quatro: aquele a quem é dado suplicar, não se vê privado da resposta; aquele a quem é dado o arrependimento não se vê privado da sua aceitação; aquele a quem é dado o ato de pedir perdão não se vê privado do perdão; e aquele a quem é dado o ato de agradecer não se vê privado do incremento dos favores”.

Nahjul Balagha, dito 135

Disse o Imam as-Sadiq (A): “No Dia do Juízo, Deus converterá as súplicas dos crentes em boas ações, as quais lhes aumentarão a sua posição no Paraíso”.

Bihar al-Anwar, vol. 78, p. 216

Disse o Imam as-Sadiq (A): “Curai vossas enfermidades mediante a esmola e rechaçai diversos tipos de aflições mediante a súplica”.

At-Tahthib, vol. 4, p.112

Disse o Imam as-Sadiq (A): “Rogai (a Deus) por vossas necessidades e insistais nisso porque Deus aprecia a perseverança dos crentes dentre os Seus servos que insistem (em suas súplicas)”.

Wasa'il-ash-Shi'ah,vol. 7, p. 60

Disse o Imam as-Sadiq (A): “Eu vos recomendo as súplicas, visto que não há nada que vos faça aproximar-vos de Deus melhor do que isso”.

Al-Kafi, vol. 2, p. 467

Disse o Imam Amir al-Mu’minin ‘Ali (A): “É possível que vós supliqueis (a Deus) por alguma coisa e Ele não vos conceda o vosso pedido a fim de vos agraciar com algo melhor (no futuro)”.

Ghurar al-Hikam, p.185

Share this page